Um bom profissional não é somente aquele que possui grande capacitação em cursos e se destaca em grandes negociações, mas sim, aquele que consegue lidar com as adversidades, mesmo que a situação pareça estar saindo do controle.

            Assim se destaca um corretor de imóveis que consegue driblar a crise econômica nacional, mantendo-se no controle de suas negociações a todo momento.

            Para que essa façanha seja realizada de forma impecável, é preciso que o corretor tenha um bom controle emocional, consiga se concentrar e manter o foco, além de não permitir que os problemas de fora, venham a atrapalhar a sua respectiva negociação.

            É claro que essas habilidades não são conseguidas do dia para a noite, além disso, existem profissionais que trabalham a vários anos na corretagem, e ainda não conseguiram dominar esses fatores.

            Por isso, é importante ser humilde, e tentar lidar com a situação de forma madura, e sempre fazendo uma autoavaliação de suas reações, com o intuito de aprender a lidar com cada uma delas.

Liderar suas abordagens, significa controlar a conversação

            Um bom corretor de imóveis aborda seus clientes com grande naturalidade, e consegue manter o assunto se desenvolvendo, mesmos que seja atropelado por alguma objeção por parte do cliente.

            Ele trata de não oferecer respostas automáticas, pelo contrário, escuta, pergunta e responde. O corretor que controla a conversação, sabe ser sábio em suas respostas a todo momento, e mostra para o cliente que é um verdadeiro especialista no assunto.

            Mesmo que você não tenha um grande conhecimento, somente o fato de dar atenção ao cliente de forma diferenciada, já fará com que você ganhe sua empatia, portanto vale a pena se concentrar nesse processo. 


            Converse, ria, mostre interesse nas palavras e planos malucos, demonstre que você está realmente interessado no que ele tem a dizer.

Controlar a negociação, é manter-se inabalável a qualquer tipo de situação

            As vezes ocorre algo, que sai completamente fora do que estava planejado. Isso acontece a todo momento, com diferentes corretores, não importa qual seja sua experiência. Porém, alguns corretores perdem a cabeça.

            É uma atitude compreendida, afinal de contas, ninguém é de ferro. Mas alguns profissionais, fecham a cara e se transformam na frente do cliente.

            Se um cliente perceber que você mudou devido a algum tipo de atitude que ele tomou, ele tratará de interpretar aquela sua reação e assimilá-la a um determinado motivo. 

            Muitas vezes, o motivo é assimilado com a sua intenção em ganhar dinheiro às custas dele. Com certeza, o cliente não vai entender que esse é seu trabalho e seu ganha pão, pelo contrário… Ele irá interpretar que você está interessado em vender apenas para tirar a sua respectiva comissão, e isso pode ser um fator negativo na negociação.

            Portanto, trate de controlar suas emoções, e principalmente suas reações diante de seus clientes. Mantenha-se no controle da negociação, até o momento que ela acabar, sem importar o resultado.

            Caso seja possível realizar a venda, você sairá vitorioso, e caso não consiga, também sairá vitorioso aos olhos do cliente, pois ele não colocará a culpa em você pelo fato da negociação não ter se concretizado, pelo contrário, assumirá toda a responsabilidade para si.

            Mas por outro lado, se você demonstrar alterações de personalidade, ficar nervoso ou tratar de maltratar o cliente de alguma maneira, com certeza terá problemas com futuras indicações.

 

 

Sobre o autor

Facundo Ferreyra

Deixar comentário.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Share This